Ética e as linhas mestras do Código das Melhores Práticas de Governança Corporativa do IBGC – Instituto Brasileiro de Governança Corporativa

Maria do Carmo Whitaker, José Maria Rodriguez Ramos

Resumo


O presente trabalho pretende mostrar que a Ética está acima e é mais abrangente que os valores adotados pelas melhores
práticas de Governança Corporativa. A empresa que deseja se envolver com a Governança Corporativa para atrair maiores investimentos e ser bem sucedida em seu desempenho financeiro deve, também, estar preocupada com a adoção dos critérios éticos para atingir o seu fim. Não basta que sejam adotadas práticas de alto nível no âmbito contábil e financeiro das organizações, se a empresa como um todo,
não estiver sintonizada com a preocupação de permear todas as suas áreas de critérios e práticas éticas. São analisados os princípios e valores éticos, bem como as linhas mestras das melhores práticas da Governança Corporativa adotadas pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa. Conclui-se que é imprescindível colocar acima das melhores práticas os princípios e valores éticos que atingem todas as pessoas
com as quais a empresa se relaciona. É a Ética e não somente a Governança Corporativa que permitirá à empresa atingir seu fim e deixar um rastro de imagem sólida no
mercado.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.